Follow Us

Sá Pinto fala sobre expectativa de dirigir o Vasco e se mostra surpreso com os salários atrasados: ''É uma informação que eu não tinha''

O treinador Sá Pinto foi anunciado oficialmente pelo Vasco nesta quarta-feira e já deu uma entrevista exclusiva para o portal Goal.com como novo treinador do Gigante da Colina. Falou sobre diversos assuntos, como seu estilo de jogo e o desejo de imprimir um futebol ''solidário'' no Cruzmaltino.

No entanto, o que mais chamou atenção mesmo, foi a surpresa demonstrada a respeito dos salários atrasados - Sá Pinto afirma que não foi avisado que a situação era tão complicada assim, mas deixa claro que não fechou com o Vasco por conta de questões financeiras.

(Foto: Reuters/Radovan Stoklasa)


''É uma informação que eu não tinha. Sei que o clube tem dificuldades. Quando assinei com o Vasco, não assinei por questões financeiras. Obviamente, há que salvaguardar isso, até porque vou ter pessoas sob a minha responsabilidade, toda a gente precisa de dinheiro para viver. Ninguém me falou em uma situação tão grave, ouvi, sim, que é uma situação difícil. Espero que não seja tão grave assim, espero também que rapidamente isso possa melhorar'', disse o comandante, que prosseguiu.

''Pelo que percebi, essa situação também é vista em outros clubes, dizem até que o Flamengo é, com mais dois ou três, o único clube que está financeiramente melhor. Não sei, sinceramente. O que posso dizer é que não foi a questão financeira que me moveu. Isso de atrasar pode acontecer em todos os lados, e nós temos compreensão, mas o que não pode é atrasar durante tanto tempo, porque depois isso tem um impacto negativo na equipe, em termos daquilo que é a concentração e o lado psicológico. Espero que isso melhore, porque não é fácil para mim ter que controlar todas as situações''.

Atualmente, o Vasco completa, no dia 20 de outubro, dois meses de atraso com os jogadores e três meses com os funcionários no geral. Lembrando que é um acordo de cavalheiros o clube pagar neste dia.

Para acompanhar a matéria completa do treinador: link da entrevista do Sá Pinto


Postar um comentário

0 Comentários