Follow Us

CT da Base do Vasco leva nome de importante Almirante da Ditadura Militar

Em meio a polêmicas causadas pela escolha do nome do CT que teve seu evento de hasteamento da bandeira no último final de semana, a pauta sobre o nome oficial das sedes do Vasco se tornou um dos principais assuntos da torcida no final de semana, que não teve jogo do Vasco pelo Campeonato Brasileiro.

Por Rick de Castro

O Centro de Treinamento que será inaugurado no próximo mês será chamado "CT do Almirante", em decisão tomada internamente pela diretoria do clube, mas o Vasco já tem um local de treinos com nome de Almirante: é o Centro de Treinamento Almirante Heleno de Barros Nunes, que fica em Duque de Caxias, próximo à Rodovia Washington Luís. 

Foto: Site Oficial do Vasco

Quem é Heleno Nunes?

Nascido em 1917, Nunes foi um militar de patente alta que chegou à presidência da Confederação Brasileira de Desportos (CBD) entre 1975 e 1979 e posteriormente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), quando as confederações de diversos esportes se dividiram, entre 1979 e 1980. Durante o período, o Brasil vivia a Ditadura Militar e era comum a interferência da cúpula do governo no esporte. Um exemplo disso foi a demissão do técnico João Saldanha antes da Copa de 1970, por discordâncias políticas, interferências do próprio Almirante Nunes em escalações durante a Copa de 1978, diversos grandes estádios construídos pelo Brasil durante o período etc. Como já tinha estádio próprio, o Vasco não foi beneficiado desta forma, mas conseguiu a doação do terreno do governo federal onde hoje está a sede do CT da base, em 1976. 

Foto: Blog Terceiro Tempo / UOL

Por ser um dos intermediadores desta doação, torcedor do clube e também falecido na época da inauguração do CT em 2006, o Vasco, através de seu presidente à época, Eurico Miranda, batizou o local com o nome do Almirante Heleno Nunes e teve a presença da viúva do Almirante em sua inauguração.

Foto: Site Oficial do Vasco

Voltando a 2020, o Vasco faz atualmente obras para expansão e melhorias do local, a fim de que passe a ser usado integralmente pelas categorias de base do clube até o sub-15 e também futebol feminino. Parte das obras são custeadas pela prefeitura de Duque de Caxias, que recebeu parte do terreno e construiu um hospital público. 



Postar um comentário

0 Comentários