Follow Us

Campello explica motivo de não ter divulgado lista de sócios do Vasco completa

Em entrevista à Rádio Globo nesta terça-feira (23), o presidente do Vasco da Gama, Alexandre Campello, explicou o motivo pelo qual não entregou ainda a lista de sócios solicitada pela Junta Deliberativa do Vasco da Gama.

Segundo Campello, o motivo é a preocupação com a privacidade dos torcedores e que, se a Junta vascaína quiser, pode buscar a lista completa em São Januário.


Alexandre Campello ainda respondeu à acusação feita pelo presidente do Conselho Deliberativo do Vasco da Gama, Roberto Monteiro, de que a lista divulgada para a Junta Deliberativa estaria incompleta. O argumento do presidente foi que o CPF dos sócios deveria ser resguardado e que já teria recebido diversas cartas dos torcedores do Cruzmaltino pedindo para que seus dados não fossem expostos.

- Eu recebi diversas cartas de sócios que não gostariam de ter seus dados expostos, mas, como se costuma dizer, decisão judicial se cumpre e não se questiona, então esse pen-drive deve ser entregue dentro do prazo que me foi dado e essa passa a ser uma responsabilidade da justiça, a entrega dessas informações. Eu estou absolutamente tranquilo porque não tenho nada a esconder. – disse Alexandre Campello

De acordo com a decisão da desembargadora Valéria Dacheux, da 19ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio, divulgada na última segunda-feira (22), o presidente do Vasco tem até cinco dias para entregar a lista com as informações dos sócios aptos para votar nas eleições vascaínas. O dirigente afirmou que entregará, mesmo não se mostrando confortável com a situação.

REUNIÃO DA JUNTA DELIBERATIVA

Na última segunda-feira (22), uma reunião foi realizada pelos Presidentes dos Conselho Deliberativo, Fiscal, de Beneméritos e da Assembleia Geral, porém, Alexandre Campello não compareceu. Com isso, Faués Mussa, presidente da Assembleia Geral, divulgou que foi decidido que um Conselho Deliberativo seria criado para investigar as transgressões de Campello.

Em relação à falta, o presidente do Vasco da Gama contou que o motivo foi a grande quantidade de compromissos na semana, e que, no momento da reunião, estava em outra conferência com a Federação de Futebol do Rio de Janeiro. Ele ainda declarou que, em três dias, passou mais de 15 horas em reunião com a Federação carioca ou com os poderes do Vasco.

Por: Micael Abbud

Postar um comentário

0 Comentários