Follow Us

Jogadores do Vasco negam redução salarial e Clube tenta buscar soluções

Devido à pandemia do Covid-19, a situação que já era difícil no Vasco, se tornou ainda pior. Para que consiga fechar as contas no fim do ano, o clube suspendeu o contrato com alguns funcionários e, na segunda-feira dia 11 de maio, demitiu outros 50. 

Segundo o UOL, o Clube tentou iniciar conversas com jogadores para diminuição de salários, como foi feito em quase todos os clubes, porém, o elenco não aceitou nenhuma negociação de reajustes de salários até que sejam pagos os salários atrasados antes da paralisação, que ocorreu em meados de março. A matéria diz que o fato de não ter conseguido negociar esta redução com os jogadores levou o clube a demitir os funcionários no dia 11.

Atletas do Vasco não terão salários reduzidos até que recebam os atrasados

Caso a quarentena continue por muito mais tempo, o que afetaria ainda mais dinheiro a ser recebido de patrocinadores e cotas de TV, o clube acredita que serão necessários novos cortes de funcionários.

Por: Rick de Castro

Postar um comentário

0 Comentários