Follow Us

Fellipe Bastos admite ainda não ter recebido em 2020 e comenta sobre redução de salário: ''Tem que resolver o que está para trás''

Em entrevista ao Globo Esporte, o volante do Vasco a Gama, Fellipe Bastos, admitiu ainda não ter recebido nenhum salário em 2020. O jogador disse que o Clube ainda não discutiu a possibilidade de cortes salariais porque ainda precisa resolver os atrasados.

- A nossa situação é bastante complicada. A gente ainda não recebeu nenhum mês ainda desse ano. A gente sabe a situação que o clube está vivendo nos últimos anos na parte financeira. Então a gente não conversou nada sobre redução de salário porque o clube está em débito. Para conversar sobre (redução de) salários daqui para frente tem que resolver o que está para trás. A gente tem que ter consciência que o Vasco e todos os clubes do Brasil vão sofrer com a pandemia. Mas a gente tem que resolver o que está para trás antes de resolver para frente.

Sobre a volta do futebol, o atleta deixou claro que jogador não é ''leão de circo''.

- A gente tem conversado nos grupos de Whatsapp, a gente só vai voltar quando os órgão que tomam conta da saúde falarem que pode. A gente não vai voltar por pressão de federação ou confederação. A gente não é super herói, a gente também tem família, também tem pessoas que trabalham na comissão técnica que são idosas, que estão no grupo de risco. A gente vai voltar com segurança. Esperamos que as pessoas que estão no poder da federação ou confederação entendam que jogador de futebol não é leão de circo, a gente não tem que voltar só para entreter. Tem que voltar com segurança de que a nossa saúde vai estar em primeiro plano, não em segundo.



Postar um comentário

0 Comentários