Follow Us

Castán joga a responsabilidade para o Fla, que deseja a volta das atividades: 'Se acontecer alguma coisa eles vão ser responsáveis'

O zagueiro Leandro Castán é sempre muito direto e sincero em suas opiniões e não foi diferente em uma entrevista para o Expediente Futebol, da Fox Sports, nesta terça-feira. Ao ser questionado sobre a vontade do rival de voltar logo com o futebol, mesmo em meio a pandemia, o defensor foi franco no seu ponto de vista. Segundo ele, se ocorrer alguma coisa séria, o Flamengo precisará arcar com as consequências.

''Acho que cada caso é um caso. Acredito que, se o Flamengo está assumindo essa responsabilidade, se acontecer alguma coisa eles vão ser responsáveis. É um assunto que cabe a eles e estão assumindo um risco. No caso do Vasco, a gente teve uma conversa com os médicos. Passaram para a gente todos os protocolos que serão realizados, então eu me sinto muito tranquilo na questão de voltar. Só temos que ter um cuidado muito grande porque é uma situação onde tem muita gente morrendo, o Brasil está numa situação de calamidade na saúde e temos que ter esse cuidado com o que estaremos transmitindo", disse o atleta que lembrou da importância de todo mundo fazer a sua parte.


''Acho que temos que tomar cuidado com os exemplos que estamos dando, não sei se é o momento correto ou não, mas eu me sinto seguro. Temos que ter cuidado de passar um recado para todo mundo...não tem nem data para voltar a jogar ainda, por que a gente vai voltar a treinar agora se a gente não sabe ainda nem se vai jogar? Tem que ser uma coisa conversada'', comentou o jogador, que continuou.

''Se o Flamengo está sendo responsável, está dando toda a estrutura, legal, beleza. A responsabilidade é deles. Quando a gente tiver a autorização do Governo, que foi o que os médicos (do Vasco) nos passaram, vamos voltar também", falou.

Postar um comentário

0 Comentários