Follow Us

Vitor Roma, possível candidato a presidência do Vasco, afirma: 'Não é momento de trazer craques'

A eleição do Vasco que vai acontecer no final do ano já começa a ficar agitada, mesmo faltando alguns meses para ocorrer. Enquanto o candidato Leven Siano segue seu trabalho de negociar com empresários a contratação de jogadores para 2021, um outro possível presidenciável prefere seguir um caminho diferente de gestão.

Líder do grupo ''Confraria'' e com grandes chances de ser mais um candidato à presidência, o conselheiro Vitor Roma participou da live do Papo da Colina, nesta segunda-feira (27), e falou sobre o que pensa sobre o futebol cruzmaltino.




- Eu compreendo o vascaíno. A gente não ganha do rival, não ganha títulos. Ganhamos apenas um título nacional em 20 anos. É difícil quando prometem o Ibrahimović, eu dou tudo pelo Ibrahimović, mas precisamos comunicar com o torcedor, mostrar as finanças, as contas e dizer que não vai dar certo - comentou ele, que explicou como pode resolver os problemas do Gigante da Colina.


- A solução do Vasco não está em trazer craques, está base. É ali que vamos recriar uma vantagem competitiva, que a gente perdeu. O Vasco tem os três maiores artilheiros do Brasileiro. O último foi o Valdir, não teve mais nenhum depois dele. O Vasco precisa olhar para dentro, ali está a solução. Não vai conseguir combater na fantasia, temos uma base altamente atrativa. Os maiores craques da nossa história saíram dali - falou.


Confira a entrevista completa de Vitor Roma:



Postar um comentário

0 Comentários