Follow Us

Como foram as estreias do atacante Germán Cano antes de vir para o Vasco? veja;

Hoje será realizado o primeiro jogo oficial do Vasco na temporada. O confronto será marcado pela volta de Abel Braga ao comando da equipe e também pela estreia de Germán Cano, após ser dúvida para a partida, uma vez que o clube estava impedido de inscrever novos jogadores, mas com o problema resolvido e o atacante regularizado só nos cabe esperar e torcer por uma boa estreia.

Revelado pelo Lanús da Argentina, o atacante fez sua estreia no profissional em 2008, no confronto contra o Danubio, entrando somente aos 44 do segundo tempo, naquela típica substituição para ganhar tempo, assim a estreia do centroavante foi apenas protocolar, já que nem teve tempo de demonstrar sua capacidade de fazer gols. Ainda no mesmo ano, Cano foi emprestado para o Chacarita Jr., também da Argentina. Mais uma vez o atacante estreou de forma discreta e sem marcar gols. Disputou poucas partidas pelo Chacarita Jr., apenas sete jogos, marcando um gol. Após o empréstimo voltou para o Lanús onde ficou até 2011, quando se transferiu para o Cólon, atuando poucas vezes sem marcar gols.

Após passar pelo Colón, o argentino foi para o Deportivo Pereira da Colômbia, time o qual estranhamente nem sequer entrou em campo. Mais experiente, já com alguns anos de profissional, Cano foi jogar no Nacional do Paraguai, clube em que começou a se destacar como goleador marcando já em seu segundo jogo pela equipe. No ano de 2013 Germán Cano se transferiu para o Independiente Medellín, onde voltaria anos depois para se tornar ídolo, porém, teve sua estreia novamente sem gols no empate em 1 a 1 contra o Tolima. Dando um tempo na sua trajetória no clube colombiano o jogador foi para o México.

Após jogar pelo Pachuca do México, time em que marcou 8 gols em 33 jogos, o centroavante se transferiu para o León, onde fez sua última estreia antes de ser contratado pelo Vasco. Desta vez uma estreia digna de um verdadeiro goleador, Germán Cano marcando dois gols contra o Santos Laguna. Se o centroavante vascaíno repetir a atuação de sua última estreia, podemos ficar tranquilos que teremos gols do argentino no confronto contra o Bangu.

Por: Guilherme Henriques




Postar um comentário

0 Comentários